Paineira Tupã

Tupã cai seis colocações no ranking regional de emprego, aponta Caged (Foto/Arquivo)
Tupã cai seis colocações no ranking regional de emprego, aponta Caged (Foto/Arquivo)
O município de Tupã caiu seis colocações no ranking regional do emprego e encerrou o mês de outubro em 8º lugar. Segundo dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), no mês de setembro o município havia contratado 565 trabalhadores com carteira assinada, demitido 490 e tinha ficado com saldo positivo de 75 empregos. No mês passado, Tupã registrou 530 novos empregos formais, 512 demissões e saldo positivo de 18 empregos. Entre as outras 20 cidades da região, a que apresentou o melhor saldo de contratações foi Presidente Prudente, com 2.519 contratações, 2.184 demissões e saldo positivo de 335 empregos; em 2º lugar, Marília, com 2.370 contratações, 2.267 demissões e saldo positivo de 103 empregos; em 3º lugar, Dracena, com 435 contratações, 371 demissões e saldo positivo de 64 empregos; 4º lugar, Quatá, com 110 contratações, 69 demissões e saldo positivo de 41 empregos; 5º lugar, Pompéia, com 188 contratações, 162 demissões e saldo positivo de 26 empregos; 6º lugar, Rancharia, com 194 contratações, 170 demissões e saldo positivo de 24 empregos; 7º lugar, Rinópolis, com 74 contratações, 52 demissões e saldo positivo de 22 empregos; 8º lugar, Tupã; 9º lugar, Quintana, com 47 contratações, 36 demissões e saldo positivo de 11 empregos; e 10º lugar, João Ramalho, com 7 contratações, 5 demissões e saldo positivo de 2 empregos. Adamantina e Queiroz ficaram empatados em 11º lugar, sem saldo nas contratações. Em Adamantina foram 291 contratações e demissões. E em Queiroz 20 contratações e demissões. Saldo negativo Nove municípios da região ficaram com saldo negativo no número de contratações, no mês de outubro. O município de Arco-Íris ficou em 12º lugar, com 2 contratações, 3 demissões e saldo negativo de 1 emprego; em 13º lugar, Borá, com 5 contratações, 12 demissões e saldo negativo de 7 empregos; 14º lugar, Herculândia, com 30 contratações, 40 demissões e saldo negativo de 10 empregos; 15º lugar, Bastos, com 139 contratações, 153 demissões e saldo negativo de 14 empregos; 16º lugar, Oriente, com 12 contratações, 31 demissões e saldo negativo de 19 empregos; 17º lugar, Parapuã, com 52 contratações, 75 demissões e saldo negativo de 23 empregos; 18º lugar, Iacri, 23 contratações, 64 demissões e saldo negativo de 41 empregos; 19º lugar, Osvaldo Cruz, com 224 contratações, 290 demissões e saldo negativo de 66 empregos; e em 20º lugar, Lucélia, com 393 contratações, 606 demissões e saldo negativo de 213 empregos. Setores da economia Os setores da economia tupãense tiveram os seguintes números de contratações e demissões no mês passado: indústria, 133 contratações, 97 demissões e saldo positivo de 36 empregos; agropecuária, 50 contratações, 45 demissões e saldo positivo de 5 empregos; construção, 23 contratações, 18 demissões e saldo positivo de 5 empregos; comércio, 170 contratações, 184 demissões e saldo negativo de 14 empregos; e serviços, 154 contratações, 168 demissões e saldo negativo de 14 empregos.

Jornal Diário de Tupã

Paineira Tupã

Compartilhe:

Receba Notícias do TupãCity pelo Whatsapp


Participe dos nossos grupos

Fique informado em tempo real sobre as principais notícias de Tupã e região.

Instagram