unidade de hidratação

Na madrugada desta quinta-feira (14) por volta de 1h32, a equipe de colaboradores da Proteção Monitoramento de Alarmes e Câmeras, por meio de equipamentos de última geração instalados na sede da empresa, detectou uma movimentação suspeita em uma cooperativa avícola sob seu monitoramento. 

Imediatamente, a equipe de apoio sediada em Bastos foi acionada e constatou que os criminosos já estavam dentro do prédio. A polícia militar foi acionada e a ação resultou na prisão dos suspeitos ainda dentro da empresa.

De acordo com o histórico de ocorrência emitido pela PM, ao chegarem à empresa, os policiais visualizaram quatro pessoas em fuga. Os policiais desembarcaram e iniciaram uma perseguição aos suspeitos, conseguindo deter dois deles ainda dentro do prédio. 

Outros dois indivíduos foram detidos do lado de fora. Durante a abordagem, foram encontradas várias ferramentas, como uma furadeira com brocas para ferro, um pé de cabra, um alicate e uma corda, utilizadas para cortar a grade da janela e perfurar o cofre. Todos os suspeitos estavam utilizando luvas e balaclavas para evitar serem identificados.

Após uma busca pessoal minuciosa e entrevistas, os detidos admitiram ser todos da cidade de Lins, em São Paulo, e confessaram que haviam ido a Bastos alguns dias antes para observar a empresa alvo do crime. 

Planejavam aproveitar o barulho e a movimentação da "Festa do Ovo" para cometer o delito, tendo como objetivo alcançar o cofre e levar o dinheiro guardado.

Um dos indivíduos confessou ser especialista em arrombamento de cofres. Por meio das câmeras de monitoramento, foi identificada a presença de um quinto elemento, porém, ele não foi localizado pelas equipes durante a ação.

Diante dos fatos, os suspeitos foram encaminhados à Central de Flagrantes de Tupã, onde as informações e as evidências foram apresentadas ao delegado de plantão. O delegado ratificou a voz de prisão aos quatro indivíduos, que permanecem detidos aguardando a audiência de custódia.

Cabe salientar que todos os indivíduos presos possuem extensa ficha criminal, com registros de roubos, furtos e outros crimes.

A rápida ação da empresa Proteção em acionar as forças policiais impediu grandes danos à empresa que foi alvo da tentativa de furto.

As equipes policiais que atenderam à ocorrência foram as seguintes:

Equipe Tático 013:

  • 1º Sargento PM Fantes
  • Cabo PM Alex
  • Cabo PM Alan

Equipe Comando:

  • 1º Tenente PM Lisboa
  • Soldado PM Vinicius

Equipe Bastos:

  • Cabo PM Cristina
  • Soldado PM Aoqui

Viatura I-09250:

  • Cabo PM Morni
  • Cabo PM Gomes
     

Paineira Tupã

Compartilhe:

Receba Notícias do TupãCity pelo Whatsapp


Participe dos nossos grupos

Fique informado em tempo real sobre as principais notícias de Tupã e região.

Instagram