HUM TUPÃ

Pastor evangélico chamou escultura de Nossa Senhora Aparecida de "satanás fantasiado de azul" — Foto: Arquivo Pessoal

Um pastor evangélico gerou controvérsia ao fazer críticas públicas a uma imagem de Nossa Senhora Aparecida que foi colocada na entrada da cidade de Bastos, no interior de São Paulo. Os ataques ocorreram durante um culto na igreja Vida Nova e foram transmitidos ao vivo no último domingo (1º).

No vídeo, o pastor Sérgio Fernandes criticou a administração municipal por ter instalado a imagem de Nossa Senhora Aparecida na entrada da cidade, afirmando que ela não representa o município.

"Aquela imagem não nos representa. Não tem nada a ver com a gente. Eu estou indignado. Estou conversando com pastores, com pessoas, porque eu estou indignado em usar o dinheiro público para fazer aquilo que fizeram", declarou o pastor.

Em seguida, o líder religioso continuou suas críticas, argumentando que outros símbolos poderiam melhor representar a cidade, que é conhecida como a "Capital do Ovo" e possui uma forte influência da imigração japonesa.

"Quando uma pessoa entra em Bastos e vê a bandeira do Brasil, a bandeira do Japão, o obelisco (...) isso é cultura japonesa. Parabéns, isso nos representa." Nesse ponto, o pastor evangélico passou a fazer comentários desrespeitosos sobre a imagem da santa, chegando a chamá-la de "satanás fantasiado de azul".

"Pode colocar ovos, galinhas, o que quiser, mas não venham colocar o Satanás fantasiado de azul na entrada da cidade", disse o pastor. 

A Prefeitura de Bastos, em resposta, emitiu uma declaração afirmando que "entende que todas as religiões devem ser respeitadas" e que, com o objetivo de criar um espaço de harmonia entre evangélicos e católicos, instalou na entrada da cidade uma estátua em homenagem a Nossa Senhora Aparecida e outra em homenagem à Bíblia, que simboliza a comunidade evangélica.

"O local se tornaria um ponto de convivência para ambas as religiões", afirmou o comunicado. Embora os projetos ainda não estejam totalmente concluídos, as esculturas já estão expostas ao público. A Prefeitura também destacou seu repúdio a qualquer forma de intolerância religiosa.

Imagem de Nossa Senhora Aparecida foi colocada na entrada da cidade de Bastos (SP) — Foto: Juliane Rigo/Arquivo Pessoal

Imagem de Nossa Senhora Aparecida foi colocada na entrada da cidade de Bastos (SP) — Foto: Juliane Rigo/Arquivo Pessoal

CAMPANHA COLETA DE LIXO ORGÂNICO

Compartilhe:

Receba Notícias do TupãCity pelo Whatsapp


Participe dos nossos grupos

Fique informado em tempo real sobre as principais notícias de Tupã e região.

Instagram