Paineira Tupã

O município de Tupã, que conta com 63.928 habitantes (dados do IBGE), teve no ano de 2023 um total de 21 casos de estupro registrados junto as autoridades policiais do município por meio de boletins de ocorrência.  É uma média de quase dois casos por mês. 

A informação foi divulgada na última sexta-feira (26), pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Estado de São Paulo e faz parte de um relatório que mostra uma alta dos casos de violência sexual em todo o território paulista.

Com 14.504 casos em 2023, o número de estupros registrados pela polícia no estado de São Paulo é o maior da série histórica. A série histórica começa em 2001, quando foram registrados 3 mil estupros. Em 2009, entretanto, a legislação sobre o crime mudou, e passou a considerar estupro qualquer ato sexual praticado com sem consentimento, como um toque íntimo, por exemplo, e não apenas a conjunção carnal. Isso levou ao um aumento expressivo nos registros.

Segundo a secretaria, o aumento dos registros desse tipo de crime está ligado ao aumento no número de notificações e mostra que as mulheres estão “mais conscientes sobre a efetividade de denunciar os agressores”. A maioria dos casos de estupro ocorre em uma dinâmica na qual o autor é conhecido da vítima, muitas vezes dentro do ambiente familiar, destaca a SSP. "Isso dificulta não só a prevenção por parte da polícia, mas também a denúncia por parte da vítima, fazendo com que os crimes de estupro e estupro de vulnerável sejam os dois com os maiores índices de subnotificação.”

A SSP informou que conta com 140 unidades físicas de delegacias de Defesa da Mulher (DDM) e mais 77 salas DDM nos plantões policiais, e que as vítimas têm atendimento 24 horas por dia. “As denúncias podem ser feitas em qualquer delegacia do estado, ou em uma das 140 unidades territoriais de DDM, nas DDMs online e nas 77 salas DDM em plantões policiais.”

Paineira Tupã

Compartilhe:

Receba Notícias do TupãCity pelo Whatsapp


Participe dos nossos grupos

Fique informado em tempo real sobre as principais notícias de Tupã e região.

Instagram