Paineira Tupã

A Prefeitura de Tupã, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, encerra nesta terça-feira (1º) a Campanha "Fique Sabendo 2015", iniciada na última quarta-feira (25). A campanha faz parte das ações do Dia Mundial de Luta Contra a Aids, que acontece sempre no dia 1º de dezembro. O objetivo da campanha é incentivar a realização testes rápidos para Aids e também para sífilis entre as pessoas sexualmente ativas e nas pessoas com maior vulnerabilidade. Além da coleta para as duas doenças, as Unidades de Saúde de Tupã também oferecem testes para Hepatites B e C. Segundo a enfermeira do Ambulatório de Moléstias Infecciosas de Tupã e também Coordenadora do Programa Municipal de DST/AIDS e Hepatites Virais, Anaille Virginia Genovez Michelotti, a campanha também contará com distribuição de preservativos masculinos e femininos, orientação sobre métodos de prevenção e encaminhamento, quando necessário, para os serviços de referência. Os interessados em realizar o teste rápido podem se dirigir à Praça da Bandeira, onde uma equipe de saúde estará realizando os testes. O horário de atendimento é das 10h às 14h. As vantagens de realizar os testes rápido é que o resultado sai na hora, já o método convencional fica pronto em 15 dias e as pessoas que realizaram os exames, deverão retirá-los na Unidade onde fizeram a coleta. Tanto os exames convencionais como os de metodologia rápida são gratuitos. Anaille destacou ainda que a campanha "Fique Sabendo" é uma importante estratégia para combater o diagnóstico tardio. Além de atender aos tupãenses, muitas pessoas da região também realizam o teste para diagnosticar a doença nas unidades de saúde nesta época do ano. O Ambulatório de Moléstias Infecciosas em Tupã atende mais 15 municípios da região e trata de uma diversidade muito grande de patologias, sendo as mais frequentes HIV, Hepatites B e C, Sífilis, Condiloma Acuminado (HPV) e Síndrome do Corrimento uretral. Somente neste ano, 22 novos casos foram diagnosticados pelas unidades do município até o momento, sendo 8 de Tupã, 1 de Queiroz, 1 de Rinópolis, 1 de Iacri, 3 de Lucélia, 1 de Salmourão, 3 de Osvaldo Cruz e 4 de Bastos. Segundo os dados do Ambulatório de Moléstias Infecciosas, dos 22 casos diagnosticados este ano, 19 são homens e 3 são mulheres, sendo da faixa etária de 24 a 59 anos. Mais de 75% dos casos tiveram o diagnóstico tardio. Em comparação aos outros anos o número de casos diminuiu. Em 2010 foram registrados 30 casos, em 2011 foram 33 novos casos, em 2012 foram diagnosticados 34 casos novos. Em 2013 o número de contaminados abaixou para 23 novos casos, voltando a subir para 34 novos diagnósticos em 2014.

Prevenção A Secretaria Municipal de Saúde reforça que só o diagnóstico precoce através dos exames consegue detectar se a pessoa está doente ou não. Por isso, pessoas sexualmente ativas devem estar sempre atentas aos métodos de prevenção e preocupados com os exames de diagnóstico. As medidas de prevenção são o uso de preservativo em todas as relações (anal, oral e vaginal), assim como também o não compartilhamento de objetos pessoais e perfuro (escova de dente, alicates de unha, aparelho de barbear e navalhas), não compartilhamento se seringas, agulhas, cachimbos no uso de drogas e também a não amamentação de mulheres portadoras do vírus HIV. Mais informações podem ser obtidas no Ambulatório de Moléstias Infecciosas, localizado na rua Cherentes, 951, ou através do telefone 3491-5640.

Assessoria Comunicação da Prefeitura

HUM TUPÃ

Compartilhe:

Receba Notícias do TupãCity pelo Whatsapp


Participe dos nossos grupos

Fique informado em tempo real sobre as principais notícias de Tupã e região.

Instagram