cabonnet

Na próxima quarta-feira (6) termina o Campeonato brasileiro e a temporada do futebol nacional 2023, não tenho dúvidas quanto ao campeão e asseguro o título à Sociedade Esportiva Palmeiras. Vou falar primeiro sobre o clube, organizado, trabalha com responsabilidade e pés no chão, consome seguir todo um projeto elaborado no início do ano preparado para toda temporada.

Tudo que é bem trabalhado e seguido à risca com organização tende a dar frutos dentro de campo, todas estas qualidades citadas fora do campo o treinador Abel Ferreira conseguiu levar para dentro de campo através de um elenco, organizado e obediente taticamente. Pouco se vê na equipe do Palmeiras o treinador Abel chamar atenção de jogador por falta de atenção ou como se diz no futebol "correndo errado". A obediência tática começa fora de campo quando o elenco confia no trabalho do seu comandante e isso vem acontecendo dentro do Palmeiras há no mínimo três anos seguidos.

Não existe equipe imbatível, óbvio que vai chegar uma hora que vai perder, oscilar, tudo isso faz parte não só do futebol mas também do esporte de um modo geral. O Palmeiras saiu precocemente este ano da Copa do Brasil e Libertadores jogando bem e perdendo as vagas por um detalhe, talvez tenha perdido porque acreditou que poderia ganhar tudo e digo que não seria nenhum absurdo mas este ano não foi possível. Abel Ferreira, durante a competição perdeu dois jogadores importantíssimos, Gabriel Menino e Dudu, mas conhece o grupo, imediatamente confiou em Richard Rios e Breno Lopes, deu sequência de jogos aos dois jogadores até se encaixarem na equipe. Esta é a diferença de um clube, confiar no trabalho do treinador e o treinador confiar em todo elenco pensando apenas no coletivo.

Muito se fala na imprensa brasileira sobre o Botafogo, que tinha treze pontos na frente do vice e conseguiu perder o título. Eu particularmente vejo de forma diferente, o Botafogo perdeu sim o título, mas preciso valorizar o Palmeiras que foi competente o bastante para assumir o topo da tabela no final da temporada, eu prefiro e vejo com muita naturalidade que o Palmeiras segue sendo o melhor e mais organizado coletivo dentro de campo, caso contrário estaríamos vendo um clube na ponta a cada rodada e com certeza iríamos dizer que o futebol brasileiro é muito disputado e de fato é sim muito disputado, mas ainda temos o Palmeiras como um diferencial, é cascudo, sabe jogar todas as competições e briga para ganhar todas.

O Palmeiras nesta quarta-feira vai ser campeão brasileiro mais pelo seu mérito citados acima do que por demérito de Botafogo, Flamengo, Atlético Mineiro e Grêmio. Não vejo o Palmeiras como melhor elenco em qualidades individuais, temos o Flamengo e Atlético Mineiro, mas pensando coletivamente é de longe a melhor equipe que hoje no futebol brasileiro talvez chegue mais perto do verdão em organização sejam as equipes do Fluminense e RB Bragantino que têm treinadores com características de trabalho iguais pensando tecnicamente uma equipe voltada ao coletivo e não dependente puro e simplesmente do individualismo de um ou outro jogador.

Por fim, volto a assegurar que com muito mérito a Sociedade Esportiva Palmeiras já é o Campeão Brasileiro 2023.

Paineira Tupã

Compartilhe:

Anderson Oliveira

Anderson Oliveira é natural de Tupã. Cronista e comentarista nas rádios Monte Verde Esportes, Gama Esportiva do Estado do Río de Janeiro, MS Web Rádio do estado do Mato Grosso do Sul, Jornal Sem limites da cidade de Santo Antônio de Pádua interior do Río de Janeiro, Rádio Cidade (comentarista) na cidade de Volta Grande estado de Minas Gerais.

Receba Notícias do TupãCity pelo Whatsapp


Participe dos nossos grupos

Fique informado em tempo real sobre as principais notícias de Tupã e região.

Instagram